Casa é Melhor: Seu canto sempre feliz.

Tendências

ARQUITETURA VALORIZADA pelo Arq. Fábio Motta

19 de Janeiro de 2018

Procurar o serviço de um profissional de arquitetura tem sido um ótimo investimento que as pessoas fazem ao comprar um imóvel e assim evitar transtornos além de terem um projeto de layout harmônico e com aproveitamento dos espaços.

Hoje o mercado oferece arquitetos com multiespecialidades. Cada qual com sua importância no que chamamos de um projeto perfeito. Não adianta contratar um serviço somente para obra civil, se após, não terá o auxilio profissional para preencher o espaço e nele conseguir inserir todas as suas necessidades.

Não existe hoje um serviço bem feito se todas as etapas do processo não estiverem alinhadas e em compatibilidade. Para que a obra ocorra da melhor maneira possível, é preciso que o arquiteto não só projete o espaço e entregue o executivo como também fiscalize e acompanhe a obra. Problemas de obra são, em sua grande maioria, normais. Mas é preciso pessoa competente para solucioná-los. Feito isso, a etapa de layout e disposição dos mobiliários soltos e móveis planejados é nada mais que a sequencia daquilo que se buscou ao se submeter a obra. E existem itens, não menos importantes, que podem valorizar ou destruir por completo todo esse seu investimento como: o projeto de iluminação.

Muitos acham que ao chegar nesse momento, conseguem dar conta sozinhos. O problema é que a tecnologia muda à medida que surge a necessidade de melhorias. Assim sendo, a iluminação é o perfeito exemplo de um item na arquitetura que está sempre sendo atualizado. Com a chegada do Led, as pessoas tem feito retrofit* na iluminação e investido nisso visando a menor manutenção devido a sua durabilidade e economia pelo baixo consumo.

Um projeto de iluminação visa valorizar todo conjunto e pode ser considerado como um elemento decorativo pois tem o poder de transformar o ambiente. Muitas vezes um projeto de iluminação se reflete muito mais do que estética e transmite sensação de conforto visual. O primeiro passo é conhecer as atividades que ocorreram em cada ambiente para, após, saber quais são os modelos de luminárias e lâmpadas. Feito isso, o projeto consegue combinar arandelas, abajures, lustres, plafons e embutidos para que fiquem em harmonia e na medida correta.

Por fim, o arquiteto hoje se torna peça chave no que se refere ao sucesso da obra. Cada etapa tem a sua importância e a compreensão das mesmas é imprescindível. Conseguir fazer as escolhas com segurança e cronograma facilita o caminho e justifica os investimentos.

*retrofit Led: consiste em substituir lâmpadas e luminárias antigas por produtos com tecnologia Led. Na tradução literal significa remontar, reequipar, revitalizar.

Arq. Fábio Motta

Arq. Fábio Motta

Arquitetura, construção, reforma, interiores. Porto Alegre e Gramado. Contatos: fabio@fmotta.arq.br / 51 – 999590718

logo

Cadastre seu e-mail e receba novidades